Postagens

Mostrando postagens de 2015

Porque paramos de nos olhar...

Imagem
APERTE O PLAY...


   Minha mania de ouvir músicas no YouTube durante o trabalho, hoje me encheu os olhos... Sim de suor, ou lágrimas para traduzir…
Entre uma música e outra propagandas acontecem, e geralmente não as assisto, mas hoje vi uma até o final...

O Boticário colocou 3 casais que passavam pelo processo do divórcio para falarem sobre os motivos do fim. E foi dito sobre o olhar do início e o parar de olhar do final.... Terminei o que me competia fazer no trabalho e CÁ estou eu escrevendo… E concluo que:
          Seria bom se as pessoas não parassem de se olhar, mas não esses olhares superficiais que temos sobre o mundo, as coisas, as pessoas.... Esse e um olhar ralo que deixa de ser revelador e atrativo com o tempo... eu falo daquele olhar esmiuçador, atento e capaz de notar detalhes que nos revelam o humor, a omissão, as imperfeições. Mas ainda assim nos faz querer estar ali mesmo com a transformação do novo em rotina, mas ainda assim nos olharmos e vermos nos mesmos refletidos…

No silêncio me pega no seu colo de amor

Imagem
Assim como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.
 Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.
Salmos 103.13-14
Sobretudo, hoje posso afirmar que Deus habita no silêncio... No silêncio quando todos se vão, e ficam apenas eu, Ele e um turbilhão de sensações, então... Ele resolve se deixar ser encontrado, eu vou como estou, levando a Ele minhas dores,apertos, raivas e medos, e Ele.... Ele para tudo e se deixa ser mais, bem mais que o curador das minhas dores, ele me faz crer que não mais as levarei, aceitar a cruz é abrir mão dos cravos! O irônico, é que na verdade não é o mundo que se silencia, mas eu quem calo em mim o mundo, e me calo em meio ao mundo. Um silenciar que torna-se vital, um plano de fuga que te ajuda a resolver as desordens...  Tenho aprendido que Cristo é a descrição mais exata de equilíbrio, metafóricamente falando,Ele te desequilibra, para te equilibrar... Meus extremos por vezes buscam atitudes concilia…

O amor das noites em que não durmo...

Imagem
Existem noites em que não durmo,SIM simplesmente não durmo, minha mente vaga por toda agitação que parece ser dela, agitação essa que em partes me move, em outras…. Eu não sei ao certo o que busco, mas sei que existe um amor que nos faz ser mais e não menos, e que consegue nos devolver em meio a tudo que nos rouba, é como a agitação, primeiro ela te faz pensar em mil coisas, te movimenta, te tira do lugar, te faz questionar o até aqui, te faz sonhar com o improvável e amar as possibilidades do impossível... E ele existe, sim, mas, precisamos crer bem mais que profundo para que só então esse amor se torne capaz de encontrar-nos em qualquer lugar do mundo... até mesmo na superficialidade dos sentimentos humanos de jurar eternidades a quem fazemos ser passageiros, esse amor escolhe ser estar e apesar do que o olho vê, É QUE OLHOS TAMBÉM MENTEM E ESCONDEM SEGREDOS e A BOCA REVELA SEGREDO DO QUAL O CORAÇÃO TA CHEIO.... Mas existe um outro tipo de amor, real e não de conto de fadas onde e…

O que eu poderia falar

Imagem
Eu poderia falar das noites em que beiro  a loucura, mas falarei da falta, da saudade do que não  se vive mais, sim é possível sentirmos saudades do que não houve tempo pra viver, mas mesmo quando me sinto bussola sem norte perdida em minha sorte, quando me olho no espelho e já não me identifico mais, percebo que não importa o tempo que passar você sempre estará na minha identidade, e tentarei nos filhos que futuramente terei, achar vestígios de você. olhos, boca, mãos, pé e o cabelo no qual me perdia a desejar.
    Eu já quis ser você, quis te entender e poderia perder a vontade de viver, mas prefiro ter em mente que quanto mais vivo mais sinais teus acho em mim, nas minhas canções você ainda está. não há dor, sei que está em um lugar melhor e bem lá no fundo, quando não admito, sou feliz por saber que está nos braços de um Deus que te Criou pra ser meu... meu coração tem paz na maior parte dos dias, coisas tolas me lembram você, teu sorriso vem me lembrar de viver.
Eu poderia falar d…

2.5 com flores....

Imagem
Eu  demorei propositalmente a escrever sobre a chegada dos 2.5 (caraca que sonancia  forte!) mas... Então, mais um ano se findou e outro se iniciou, acordei e tinha 25, e acredite não foi de repente, passei por um longo caminho pra chegar até aqui. Mas um ano se iniciou e tudo de intragável que passei fica junto com a idade a qual ela pertence,pois este ano iniciou com flores, mas não flores quaisquer, foi uma orquídea  outro nível de flores kkk, mas uma orquídea pra me lembrar que a aparente fragilidade revela uma força que poucos conhecem, eu sou como uma orquídea, aparento fragilidade, mas chegue mais perto e descubra se sou sempre assim..... Como as orquídeas, os cuidados que meu ser exige não são imensos, mas são cautelosos, trata-se especificamente de equilibrio..... água em moderação, adubo a determidano prazo, e sol...Água para lembrar-me que Jesus é o que me saceia independente do tamanho da sequidão, adubo é aquilo que me prepara para a ausência de seja lá o que for, me prepar…

O COMEÇO DO ADEUS....

Imagem
Aprendi com 2.4 que não preciso necessariamente ser um gênio para entender a frase de Millôr Fernandes que diz “Qualquer idiota consegue ser jovem, é preciso muito talento para envelhecer. ” Sim é preciso talento para amadurecer à medida que envelhece, essa frase se torna cada vez mais verdadeira a medida que vivo, envelhecer traz consigo lições que carregaremos para vida inteirinha. O bom é que o tempo não volta, e as dores passadas te preparam para as futuras...                 Meus 24 anos foram dias de perdas irreparáveis, perdas que mudaram quem eu costumava ser, que mudou meu ritmo, minha frequência, me ensinou a depender literalmente de Deus. Meus 24 anos já começou intragável, acordei uma madrugada com a notícia de um grave acidente com meu irmão, amanheci o dia arrumando as coisas para o reconhecer em um IML (Instituto Médico Legal), arrumei forças de não sei onde no momento de olhar para ele sem vida. E no mesmo momento em que disse ao médico legista “–Sim é Ele! ” Perdi o …

Preciso e mereço alguém que some e não suma

Imagem
O tempo passa e cada vez mais estou certa do que eu quero e arrisco dizer que estou certa do que mereço, dizem que a idade nos deixa mais exigente, principalmente nós mulheres, eu discordo e ouso afirmar que ela, a idade apenas traz consigo certezas. E hoje, hoje eu sei que mereço alguém que não me dê muitas alternativas, minha indecisão não merece alguém que não saiba o que quer, eu mereço certezas, mereço alguém que tenha em mente os lugares em que quer me levar, sem ter que ouvir sempre:

-AMOR ONDE VOCÊ QUER IR HOJE?  Preciso ouvir:  -PENSEI EM TE LEVAR A TAL LUGAR O QUE ACHA?
       Preciso de diálogo, pois existe dias em que meu corpo pede colo e não sexo, em dias assim preciso de pijama e filme, bem mais que me sentir sexualmente desejada, é nestes dias que minha sinceridade, grita, pede, merece e exige alguém que seja tão sincero quanto eu, alguém que seja inteiro e sem limites, pois sou composta de extremos e urgências, então mereço alguém que se entregue por inteiro e esteja …

Casa vazia, coração também...

Imagem
Como se livrar dos hábitos com os quais já estávamos acostumados? Meus dias tem sido marcado por perdas,  de pessoas importantes e essenciais, sim perdas eternas que me mudam e irão me mudar cada vez e sempre que me recordar delas. Perdas por mortes físicas e de sentimentos também, essas  perdas deixaram minhas casas vazios... Vi meu irmão ir embora cedo demais, vi suas coisas adquiridas ao longo de 22 anos se encaixarem perfeitamente em 3 caixas de papelão, e causarem em minha vida e peito um buraco grande demais para ser preenchido por coisa alguma neste mundo, domingo, vi a casa que cresci,corri e fui amada de fato, se tornar vazia, quando minha vozinha amada foi vencida por um câncer, a guerreira, se abateu, e partiu... Serenamente partiu, como se tivesse em si a certeza de que todos se ajeitariam, a casa que cheirava chá de canela e pão com manteiga na minha infância hoje já não tem mais brilho só lembrança. A risada gostosa jamais será ouvida, e peço a Deus que não se apague da …

A Colcha de Retalhos

Imagem
Recebi um presente diferente esta semana, da mãe de uma amiga muito importante. Uma colcha de retalhos, parece simples né? e na verdade é simples aos olhos de que não sabe parar para olhar o que há por trás da sutileza da simplicidade, e sempre tento olhar tudo com calma, com óticas novas e simples,acrescentando  amor aos meus olhos, para que ele esteja em tudo que eu olhar. A mãe dessa amiga é um exemplo para mim, tal como a filha! Gosto de gente que se supera, se entrega, que acolhe, sorri e dá o que tem, na intensidade que se tem. A Dona Conceição é uma artesã, que não se aquieta, uma artesã de sabedoria iletrada, uma artesã que adoça a vida, com seus deliciosos doces e seu jeito único....

   Quando ganhei essa colcha, essa simples colcha de retalhos. Eu não tinha ideia, da lição  que ela traria consigo, mas esta madrugada eu parei para imaginar, ou pelo menos tentar imaginar a Dona Conceição, com destreza separando, cortando, juntando e costurando cada pedacinho até que ela f…

Fique sem eu ter que pedir

Imagem
As vezes o corpo que colo, e o colo quer presença sem termos que pedir por ela; outras tantas vezes o abraço demorado é um silencioso aviso a  Dizer: EU NÃO ESTOU TÃO BEM. Estranho como a agitação se transforma em necessidade de calmaria, estranho como o corpo sente carência de afago, de cumplicidade, de pele, de silêncio, mas em dupla. Fica cada vez mais claro, o porquê da afirmação de que NÃO É BOM QUE O HOMEM VIVA SOZINHO...  A falta vem, o peito silenciosamente grita, a pele arde clamando por toque e entrega. Não creio que alguém seja feliz sozinho, como também não creio que alguém seja metade de alguém, mas creio que as pessoas se juntam para se somar, tem que haver encaixe, o abraço tem que acalentar senão ele é vazio, as mãos devem bem mais que se entrelaçar... Diminui meu tom, meu ritmo, em minhas festas já não tocam, rock in roll hoje as baladinhas são para colar o rosto, ficar perto.... E por gentileza vida, manter apenas quem se agrade deste ritmo.  É que as relações anter…

Arma e Resposta

Imagem
Me convenço diariamente de que Mateus estava certo quando disse que nos últimos dias o amor de muitos se esfriaria, MT 24.12, e acredite eu não estou me referindo ao amor vertical (nós e Deus), pelo menos não especificamente.  Me refiro ao amor horizontal (nós e nosso próximo), assim como me convenço diariamente que amor tem mais de liberdade do que de amarras, amar não é ser dono, mas sim um colaborador na vida do outro, pode parecer piegas, mas o amor caminha ao lado como quem segura as mãos, mas não impede o outro...

    Não impede o outro de ser ele, de ter e ser feito de singulares diferenças, de se abrir, de se expor, de falar a verdade na cara, de não ter que viver medindo cada palavra dita.  O amor não tem medo de ferir, não tem medo de tempestades de verdades, pois lá no fundo e bem lá no fundo ele sabe que o torna verdadeiro o amor é o fato, o simples fato de permanecer e mesmo ferido lutar, mesmo ferido perdoar, mesmo ferido entender que o amor brota justamente das sãs …

Um Amor que Caiba em mim.... E Nos Meus Sonhos...

Imagem
" Agora eu vou cantar pros miseráveis... Pras pessoas de alma pequena      Remoendo pequenos problemas... Pra quem não sabe amar, fica esperando  ALGUÉM QUE CAIBA NOS SEUS SONHOS." 
Forte o que Cazuza cantou no Blues da Piedade né? Me perco na forma visceral que ele tinha de expor suas ideias, sendo incisivo sem ser agressivo... A primeira vez que ouvi a música, isso me pareceu uma crítica a nossa busca desenfreada por amores perfeitinhos, pessoinhas sem defeitos que caibam nos nossos sonhos (perdoem-me o plágio).  Mas hoje não... Hoje concordo com o Senhorito Cazuza (e sim eu ouço Cazuza mesmo estando na igreja DEUS ME FALA QUE TUDO POSSO SE EU EXAMINAR... ENTÃO NEM BLUE PARA OPINIÃO ALHEIA) e ouso afirmar que ele alfinetava alguém que estava buscando o que diz na música..., mas, entendo que lá no fundo, bem no fundo do fundinho mesmo, o amor nada mais é que " buscar alguém que caiba em nossos sonhos" e em nós. É buscar alguém cuja imperfeição a faça perfeita, algué…

Complexo de formiga

Imagem
Tenho aprendido que a vida é um eterno reajuste, diariamente temos que nos confrontar, pois, se não fizermos isto caímos na rotina, na rotina física, na rotina de aceitar pouco e dar muito, na rotina de aceitar amores em migalhas, eu tenho confrontado meu complexo de "formiga".
       Por carência ou falta de vergonha na cara mesmo, aprendi a sobreviver de migalhas e aceitar relações onde me doava mais que recebia, onde amava por dois, tentava fazer dar certo por dois, eu tinha limites rígidos, mas que contrariamente cedia a cada um deles por puro medo de estar só.        O que eu notava, mas não agia a respeito, era que meus amores vazios me esvaziavam da minha dignidade também, do meu conforto, do meu prazer, eu tinha pedaços de alguém me doando por inteira.
       Vivi alguns anos de minha vida aceitando amores de madrugadas carentes, encontros as "escondidas", e uma limitada preocupação por conveniência, tinha "inesperadas" mensagens de "Bom dia&…

Te querer eu não quero, mas também não vou te largar...

Imagem
Uma das coisas das quais me envergonho desta geração a qual infelizmente pertenço é que esta  geração sente orgulho em ser conhecida como a geração do "Melhor embriagado que iludido" por mais que eu tente não consigo entender o orgulho que temos de bater no peito e cantar ou falar coisas do tipo  "eu sou de ninguém, eu sou de todo mundo e todo mundo e meu também", "Cuida bem dela, você não conhecer alguém melhor que ela, promete pra mim o que jurar pra ela você vai cumprir, mas eu fui incapaz de fazer ela feliz, mas faça ela feliz"... Sério mesmo isso de ser de ninguém? Legal.... Talvez isso justifique a enrolação de algumas pessoas.... Sabe não entendo o que dá em algumas pessoas em não querer namorar alguém, mas não deixar claro para o outro as divergências de interesses, gente que não quer namorar, mas sente ciúmes na possibilidade da pessoa arrumar alguém, e sumir da vida dela (SIM NA POSSIBILIDADE). Estranho a contradição neh? E o que dizer da segun…

As coisas que aprendi com você depois que te perdi

Imagem
Existe um velho ditado popular que diz que: "só aprendemos a dar valor, depois de perder um grande amor", não sou alguem apta a desmentir isto na vida da humanidade, mas na minha eu posso.... Hoje eu acordei com medo, mas não  chorei, senti saudades de alguém que mora nos meus sonhos e memórias, mas  não mais na mesma casa que eu, embora casa fale mais dele que de mim mesma. SIM SENTI SAUDADES DO MEU IRMÃO. Me lembrei que saudades, é amor que fica, é fragmentos do outro que permanece quando ele é obrigado a partir, ou será que as pessoas nos deixam por opção? Hoje apesar do medo, eu não mendiquei abrigo, mas me olhei com calma, olhei para a escuridão do meu ser aterrorizado, e para o turbilhão de dúvidas e sensações ao qual pertenço e foi a única vez nos últimos meses em que não tive vontade de sumir, eu tive orgulho de mim... Notei que aprendi mais sobre meu irmão depois que ele morreu, que em todos seus anos de vida... Pra quem olha os 22 anos que meu irmão teve de vida, pode…

Me Deixa Ser Sua Lembrança Bonita

Imagem
Há quem diga que o amor é aquela agitação que te dá quando você vê a pessoa, o tremer as pernas, o falhar da fala...
Há quem diga que ele é a calmaria de um abraço, o saciar de um beijo a certeza do pertencer ao se achar no olhar do outro.     Mas eu.... Eu digo que o amor é a sua lembrança mais bonita, o equilíbrio da certeza do pertencer, do falhar da fala, a calmaria do abraçar e o tremer das pernas, o saciar de cada um dos beijos...o amor é a consenção o, é renunciar ter a razão e o calar de qualquer pronúncia. Ele é o que ele faz de você. É o beirar a psicose das conversas bobas, mesmo que a memória não seja uma aliada, é jurar morrer sem a respiração do outro, mesmo sabendo que se a respiração do outro se findar, ainda permaneceremos vivos, e descontroladamente implorar por um seguir.... Mas segui juntos sem desistir, é permanecer quando a vontade for correr para a longe, para bem longe para ser sincera. É o construir alianças ser feliz por ter na mesma cama seu celebre inimig…

Por quê te abates minha alma...?

Imagem
Para cada escolha uma razão, para cada página arrancada uma coisa que queríamos esquecer...
Se cada consequência muda a direção o que estamos fazemos com nosso destino?
Minha vida é um altar da minha humanidade impressa e revelada, dos defeitos que tento mudar e da fragilidade que tento a todo custo esconder.
Meros desvaneios tolos e sonhos bobos mantém nos chãos meus pés cansados de tanto caminhar de tanto se perder na buscar por um lugar onde se encaixar e abraços para me acalmar, tento crer que a vida apesar de dura e sofrida pode ser bonita, mas se soubessem o poder de palavras pequenas, mas que aprisionam, torturam, ferem...
Ah se soubessem a fragilidade, se ao menos tivessem notado a revolta da ausência, a carência de presença, mas não tiveram um pedaço de si arrancado? Não repousa agora em pastos verdejantes um pedaço pequeno de si? Um pequeno,frágil, guerreiro e destemino..... Tal partida devia aproximar, tal ausência devia ser revertida em concerto, dali a pouco  inverteram …

E hoje mais que nunca quero ficar

Imagem
Sempre tive medo dessa história de pertencer... Pertencer a alguém, a um lugar, a um sentimento, os pronomes possessivos sempre me assustaram e a meu ver não me caiam bem, não era agradáveis nem aos olhos, ouvidos e nem mesmo ao coração.
Recordo-me de ouvir a música Ovelha Negra da Rita Lee é me sentir extasiada, e acredite era bem este o sentimento quando eu cantava " Levava uma vida sossegada,gostava de sombra e água fresca!Meu Deus quanto tempo eu passei sem saber!Uh!Uh!...  Foi quando meu pai me disse:"Filha, você é a Ovelha Negra da família"Agora é hora de você assumir Uh!Uh!E sumir!..." (desculpa empolguei) mas voltando esta era uma das músicas que me inspirava nessa minha loucura de "despertencer" (está palavra passa a existir agora kk). Não que eu fosse o tipo aventureira, de sair rodando o mundo com cabelos ao vento, mesmo tendo cogitado isso zilhões de vezes, gostava apenas de não me fixar, depender, e menos ainda "esperar" por abraç…