O COMEÇO DO ADEUS....

Aprendi com 2.4 que não preciso necessariamente ser um gênio para entender a frase de Millôr Fernandes que diz “Qualquer idiota consegue ser jovem, é preciso muito talento para envelhecer. ” Sim é preciso talento para amadurecer à medida que envelhece, essa frase se torna cada vez mais verdadeira a medida que vivo, envelhecer traz consigo lições que carregaremos para vida inteirinha. O bom é que o tempo não volta, e as dores passadas te preparam para as futuras...
                Meus 24 anos foram dias de perdas irreparáveis, perdas que mudaram quem eu costumava ser, que mudou meu ritmo, minha frequência, me ensinou a depender literalmente de Deus. Meus 24 anos já começou intragável, acordei uma madrugada com a notícia de um grave acidente com meu irmão, amanheci o dia arrumando as coisas para o reconhecer em um IML (Instituto Médico Legal), arrumei forças de não sei onde no momento de olhar para ele sem vida. E no mesmo momento em que disse ao médico legista “–Sim é Ele! ” Perdi o chão sobre meus pés me faltou ar pra respirar, passei horas de uma angustia tamanha que nunca terei palavras que mensurem o que senti, o vazio, a perda, a revolta, a angustia, a dor, o medo, a incerteza do que viria, de como seria. Meu irmão... o único, tinha feito 22 anos em uma sexta para perder a vida dois dias depois, simples assim amanheci no domingo e de repente tinha me tornado filha única, e seria um longo caminho desde então...
Foram dias de ver de pertinho duas verdades 1 EU SERIA AMPARADA, CUIDADA E AMADA POR DEUS E POR ALGUNS AMIGOS E 2 EU ME DECEPCIONARIA COM ALGUNS QUE PENSEI SEREREM MEUS AMIGOS... Recebi abraços silenciosos, mas que para mim disseram tanto e que se tornaram tudo o que preciso e procuro hoje quando tenho medo, alguém segurou minha mão o tempo todo da minha angustia, enquanto eu estava lá imóvel e sem reação, ela me botou pra dormir e ficou lá até se certificar de que eu estava mesmo dormindo...  E pude então entender que eu teria sempre apoio, entendi que quando você é amada por alguém ela se levanta da sua cama as 3 da manhã pra te ajudar, FAZ QUESTÃO DE SER ELA A PESSOA A TE DAR A PIOR NOTICIA DA SUA vida e não te larga mais, e te liga a cada meia hora com um “ amiga você já comeu? O que comeu? Quanto comeu? ”, “Amiga já conseguiu dormir um pouquinho? Dorme um pouquinho você ainda tem uma longa batalha pela frente! ”, “ Amiga você tá tomando agua? ”. Mas também notei que existem pessoas que só estarão ao meu lado quando elas precisarem, mas vão sumir quando eu precisar, as ligações de horas darão lugar ao “DEIXE SEU RECADO APÓS O SINAL...”
O coração do meu irmão havia se silenciado, sofri muito, por vezes calada, não dormi por muitas vezes, em outras noites ACORDEI CAMINHANDO PELA CASA PROCURANDO ALGUÉM QUE JÁ NÃO ESTAVA MAIS ALI, mas o cheiro, a voz ainda estava. E até hoje a casa e os móveis ainda exalam a  sua presença, chorei sozinha e me senti completamente sozinha nessas noites de choro em claro e procura em vão, mas vi JESUS CAMINHAR COMIGO e consolar meu coração cada uma das vezes que a dor, a raiva, a ira, o medo, a revolta, a incerteza, a ausência e  todo o misto de sentimentos invadiam minha mente, desejei por vezes esfriar a cabeça em uma montanha de neve, mas duas crianças lindas  se encarregaram de me fazer esfriar a cabeça e sorrir , me sentia e  me sinto curada cada vez que ouço de um anjo de olhos azuis me chamar de TITIA VENESSA! Isaque, como seu próprio nome diz, por vezes me encheu de riso quando não havia motivo para meu riso,   e cada vez que um par de olhos verdes com nome de profeta me olhava e sorria, meu coração se aquecia, sim o Davi é pequeno e não sabe falar, mas ele fala tanto ao meu coração a cada palavra que ele ainda não sabe dizer, sim perdi um irmão mas descobri que amigos são irmãos que escolhemos e que te empresta os filhos e te faz tia e nada nem ninguém pode dizer o contrário, então só fui TIA na minha dor e meus sobrinhos me tiravam dela e eu voltava a sorrir...  E quando meus 24 pareciam ser compreensível aos meus olhos, me vi tento que entrar de férias forçadas e não planejadas, entrando em um ônibus sozinha e com medo durante toda a madrugada para ir ver minha vó, e novamente me vi caminhando sobre o vale da sombra da morte, mas mesmo em meio ao vale da sombra da morte quando o câncer da minha vó vencia a batalha eu arranquei dela risos, segurei suas mãos minutos antes e orei com ela, com uma força e calmaria sobre-humana então a vi parti...
Hoje os 24 se preparam para seus minutos finais, e eu olho para tudo que me sobreveio e a única coisa que sei é que aprendi enfim APRENDI A FAZER DOS LIMÕES BOAS LIMONADAS, hoje sei que as pessoas simplesmente vão embora da minha vida quando querem ou quando chega a horas delas irem, é a vida! E sim vai doer muito mas isso me leva a um próximo item, TODA DOR POR PIOR QUE SEJA também vai embora, mas isso me leva a uma conclusão mais linda que a anterior:  CERTOS AMORES PODEM DURAR PRA SEMPRE MESMO QUE ELES ACABEM, ENQUANTO OUTROS DURAM UMA NOITE APENAS MAS SE TORNAM INCRIVEIS NA MESMA MEDIDA, E TUDO É DEFINIDO PELO TANTO QUE ME ENTREGO E RECEBO DESSES AMORES. Aprendi com 24 que ter um diploma não é garantia de nada, nem do meu futuro, nem mesmo que eu vá seguir a carreira que o diploma me assegura, aprendi que o autoconhecimento é uma das coisas mais importantes que posso adquirir, logo sou eu quem escrevo e escolho meu destino

Logo mais terei 25 e de todo medo que isso me dá, também existe uma parte de mim empolgada com o futuro, meus amigos são sim minha nova família e farão parte de todo os grandes momentos da minha vida, e no final não existe sensação melhor do que envelhecer sabendo que estou buscando minha felicidade e de quem amo. Eu teria muitos motivos para reclamar, mas aprendi que murmuração só nos atrasa. Já um coração grato é capaz de alimentar a alma mais ferida. Por isso, obrigada, meu Deus! Foi um ano diferente de tudo que planejei, mas era exatamente do que eu precisava. Por isso dou graças. Que venha meus 25 anos.

Comentários

  1. Admiro sua intensidade e sua forma de encarar a vida. Que venha os 25, tudo de bom!

    ResponderExcluir
  2. Célio José Ribeiro, minhas amigas falam que intensidade é meu nome, sempre e em tudo intensa . rsrsrs

    Amém que 25 seja bom..

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por ler, Deus te abençoe grandemente

Postagens mais visitadas deste blog

Aprendendo com o Isaque, que daqui só se leva o amor...

CARTA PARA MINHA AMIGA

o Isaque nasceu!