sexta-feira, 31 de agosto de 2012

Vem Andar Comigo!

As vezes vivemos coisas que parecem boas, que nos trazem alegrias momentâneas, mas ainda assim nos trazem alegrias. Vivemos coisas tão incríveis com pessoas tão incriveis...
Incríveis coisas que fazem com que nos sintamos especiais como precisamos, fazem com que sejamos amados como queremos ser amados.......
Nos acostumamos fácil as coisas, nos acostumamos fácil a ter pessoas em nossas vidas, nos acostumamos ao bem que elas nos fazem.
Acostumei- me com as 7 ligações de horas  em um mesmo dia, acostumei-me a andar de mãos dadas, acostumei-me a ouvir: AMOR VESTE UMA ROUPA BONITA E VEM ANDAR COMIGO! Acostumei- me com abraços silênciosos e apertados, daqueles que mandam os medos pra.............. qualquer lugar longe de mim, acostumei-me com teus olhos me dizendo tudo sem dizer nada.
O problema dos habitos, costumes e manias (e acreditem eles existem...)é só ter que deixa-los.... ter que se acostumar a viver sem, e com a saudades, com as lembranças de um tempo que já se foi..
Hoje refleti sobre você, anjo meu... Revivi tudo, chorei,te chamei, te desejei,e cheguei a pensar que tudo não passou de erros.Erros que... eu amava cometer e cometia por amar... Erros que me faziam ser como me via, que me faziam como de fato sou.
Sei que nunca serei capaz de te esquecer por completo, mas talvez me acostume a uma vida de lembranças talvez viva de modo com que elas não me tragam dor, mas que me façam entender as repostas que busco.
Por enquanto, me contento em aprender a olhar pra traz com gratidão, me contento em arrancar do passado a memória e aprender a crescer com tudo isso que tenho aqui agora, mesmo sendo tão pouco...
Me contento mas apenas por enquanto...
E confesso que não esta sendo nem um pouco como sonhei,  não estava nos meus sonhos ou planos te perder, na verdade, eu queria estar com você por toda minha vida,era com você que eu me via ao envelhecer, mas (e sempre existe um MAS...) Nunca FOI  bem  assim...  Deus te quis com ele e... Perdi você, mas sou feliz ter tido você, do nosso jeito e no nosso tempo, e que egoísta eu sou pois o "nosso" agora é "só meu" e não reparto com ninguém...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por ler, Deus te abençoe grandemente