Nossa primeira viagem MISSIONARIA


    No ultimo feriado (02-11-12) Eu, Brunna Tancredi Amanda Mariana, Karlla Trancredi, Loyane Rocha e vó Dioneia.
Com mochila nas costas, Bíblia e violão nas mãos fizemos nossa primeira viajem missionaria.
    Reunimos algumas doações, fizemos alguns mimos e fomos até uma cidade próxima....
 Desde  a nossa chegada fomos lindamente surpreendidas por Deus, fomos recebidos pelos pastores que cuidam das Crianças, e ao chegarmos ao "abrigo" nos deparamos com 26 crianças nos olhando sorridentes e ao mesmo tempo assustadas....
      Sabe DEUS honra quem se dispõe a fazer a obra Dele! Fizemos uma oração consagrando as nossas doações, e recebemos dos pastores um elogio em forma de agradecimento... "NINGUÉM VEIO DE ÔNIBUS DE TÃO LONGE..." Mas  se engana quem pensou que essa foi a honra a que me referi. A honra está em ver que podemos fazer muito com pouco. Que não foi o que levamos que arrancou sorrisos e sim o fato de termos ido.
Nós igrejas nos dias atuais precisamos entender o que é ser chamado e o que é missão.
Chamado é fazer o que é preciso e não apenas o que queremos. Missão é pegar um feriado em que podíamos ficar em casa e ir brincar com 26 crianças, é lavar vasilha no sol quente, é trocar fraldas, dar banho e pentear o cabelo, Ser sensibilidade suficiente para se compadecer pela dor do outro e agradecer por sua vida, ser como ela é, ainda que ela não esteja como você quer... é redescobrir detalhes que passam despercebidos, é sem encantar com uma criança roubando a cena por encostar seu ouvido no violão enquanto você está tocando, é ver essa mesma criança beijando suas costas enquanto você se deita no chão, é ver a parte que você mais se envergonha na sua vida servir de motivação pra que as pessoas pensem antes de desobedecer ao mandar de Deus , é ver sua amizade, ser reconhecida como um presente de Deus por alguém que já não confia mais nas pessoas, assim como você também não confiava até ser agraciado com a oportunidade de ter um amigo- irmão e ser Chamado significa entender que o que importa, não é a sua vontade e sim a vontade  Deus. Já ser um Missionário chamado é acima de tudo se importar e fazer o que puder para mudar o que ainda não está bom... Afinal

PARA QUE OUTROS POSSAM VIVER VALE A PENA MORRER

Comentários

  1. vai sim Diogo tenho certeza que voce irá amar, mas conseguir ficar arrepiada como fiquei e só comigo

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por ler, Deus te abençoe grandemente

Postagens mais visitadas deste blog

CARTA PARA MINHA AMIGA

O perigo do "se"

As coisas que aprendi com você depois que te perdi