Uma Carta Pra Dizer Que Sinto Tua Falta

Hoje fiquei olhando uma foto por horas, quisera ser forte para não ter chorado como chorei, é que sinto que você tem se distanciado, embora ainda se preocupe, se preocupe em como eu estou, em como está minha cachorra elétrica e traquina, em como está a “dona Nilma” minha mãe ou a Tia Raquel..., mas te sinto longe cada vez mais distante, se isolando do mundo e correndo das pessoas então notei que talvez seja idiotice minha não ter falado o quanto e especial, mas sempre achei não fosse necessário.... Sempre achei que soubesse....
Na foto riamos... como se ri com toda grande amiga, aquele riso de dentro para fora sabe? Aquele riso que quem olha a foto fala "POXA COMO É LINDA AQUELA AMIZADE, COMO HÁ CUMPLICIDADE….  PROVÉRBIOS 17. 17 é real..." mas, contudo, porém, toda via, entretanto tudo se tornou diferente de uns tempos para cá, estava tão presa em minha dor, que vi você pouco a pouco se afastar... imaginei que fosse só um tempo, mas diariamente via você cada vez mais longe e pensei viu a culpa e sua por não abraçar a cada mimo recebido, por não ter segurado mais forte quando recebeu o cd novo da Fernanda Brum... por ter tido medo de ouvir o que você precisava falar... Não me inocento de culpa, antes assumo meus erros e corro atrás de corrigi-los então esta é mais uma tentativa antes que desistas... se choro sua falta? Sim um Jordão por dia, mas devia eu aprender a iniciar conversa, ou a não temer expor a sensibilidade que escondo?
Tenho aprendido que os dias passam, os anos, as estações, os amores, os humores e olha lá eu e você em meio a tanta mudança, mas temos mesmo que deixar ir a amizade que conquistamos? Temos que deixar ir as orações e lagrimas no altar? Então é isso morremos para o outro viver, mas quando ele se refaz nos afastamos e nos fechamos em nosso mundo?
Faça agora uma lista dos amigos que tinha há 10 anos atrás, quantos ainda sabem seu número de telefone? Quantos você já nem se lembra mais? Meu nome deve mesmo estar na lista dos que estiveram e se foram?
 Contraditório essa história de para sempre neh? O sempre de um sempre será maior para uns que os de outros, e não é que John Green tinha razão “ALGUNS INFINITOS SÃO MAIORES QUE OUTROS”, mas já que todos Seguem a onda de:  EM MEUS PASSOS O QUE FARIA JESUS? Vamos lá em seus passos Jesus desistiria de alguém que Ele colocou ao seu lado? Em Seus passos JESUS deixaria alguém ir sem motivo exposto?  Em meus Passos Jesus deixaria ir ou pediria para ficar? .... Bem em Meu para sempre te imaginava comigo cantando SANTO, SANTO,SANTO  com os anjos como é citado em Isaías 6... Mas tudo muda neh? Talvez o para sempre tenha mudado também...
Mas talvez a vida seja como um trem cheio de vagões, que se enchem de pessoas que estão ao seu lado, mas que desce dois pontos depois... Talvez seja isso é sua hora de descer e eu estou segurando a porta, poderia pedir para que fiques, mas não quero que fiques se meu jeito já não te surpreende... MAS POSSO TE DAR UM ULTIMO CONSELHO? O JESUS QUE OROU POR COMUNHÃO É O MESMO QUE SE ISOLOU, MAS QUE DEIXAVAS SEUS AMADOS DISCÍPULOS CIENTES DE COMO E ONDE ENCONTRA-LOS, ELE RETORNAVA DA MESMA FORMA QUE TINHA CERTEZA DO MOTIVO DE SE ISOLAR.
ENTÃO... PAREMOS AGORA PARA REFLETIRMOS DEUS QUER MESMO QUE DESISTAMOS DE ALGUÉM? QUE NOS ISOLEMOS? ONDE ESTÁ A COMUNHÃO PLENA? SE O SOLDADO FERIDO SE ISOLA NÃO FICA ELE EXPOSTO A MORTE?

VOCÊ DISSE QUE ME AMAVA E QUEM AMA NÃO MENTE DIZ AI PORQUE está DIFERENTE...? 

Comentários

  1. belo post, sensível e bem direto, gostei vou compartilhar, abraço.

    ResponderExcluir
  2. obrigada Rodolfo Rodrigues..
    beijo querido

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigada por ler, Deus te abençoe grandemente

Postagens mais visitadas deste blog

CARTA PARA MINHA AMIGA

Que eu saiba escolher meus amigos aos meus amores