E Aí Deus Aparece...

Me encanto quando paro e noto que Deus fez um mudo detalhadamente pensando em nós e no fato de construir para nos um paraíso... Deus arquitetou tudo para ser tão bonito e nós destruímos, não consigo ver Deus como uma pessoa que não seja detalhista, Ele aparece em coisinhas tão simples, e isso me deixa extasiada...                                                            
Deus aparece na música, não apenas nas músicas cristãs, mas não meio musical em si, a capacidade que Ele deu a alguns de juntar letras, melodias, acordes, silêncio, timbre....          
É lindo ver vários instrumentos diferentes trabalhando harmoniosamente para formar uma música e nos revelar a inteligência em ação e criar algo que milhões de pessoas vão ouvir e gostar ou não, Deus é Tão perfeito que pensou no fato de não gostarmos e eis aí a diversidade musical;
Deus aparece quando tenho um livro nas mãos, cada página virada, cada parágrafo me lembram como ele era um contador de historias, ele também nos deu este dom de unir palavras que atraem, expressam, comunicam, chamam a atenção, defendem e solidificam opiniões, Jesus o contador de parábolas plantou em alguns o dom de brincar com palavras... EIS AQUI A PARTE DO BOLO NA QUAL ME LAMBUZO; 
Deus aparece quando vejo borboletas, que escondem em suas fragilidades a força necessária para suportar um lugar apertado enquanto suas asas são fortalecidas para alçarem voos, sim o sofrimento do casulo dá as borboletas asas coloridas, DEUS ainda me fala por meio delas que mesmo ao fim de seu ciclo vital onde suas asas perdem as forças e se machucam e elas passam a voar mas vagarosamente e com dificuldades que elas desaceleram, e nós precisamos fazer isso quando somos feridos, desacelerar... Deixar Deus nos curar, cuidar de cada dor, precisamos aquietar de nossas agitações diárias para ouvi-lo falar de forma calma, serena e tranquila;
Deus me aparece quando vejo o cuidado da minha amiga Millena com seus filhos, ela consegue fazer várias coisas e ainda assim ter seus olhos a procura do primogênito Isaque e do pequeno Davi, ela consegue antecipar e prevenir algumas situações de perigo, consegue lavar vasilha e manter o Davi ocupado para que ela cumpra o dever de esposa, mãe, filha, profissional e mulher, ela consegue entende-los, conhece quando um está irritado por que não dormiu bem, ou quando o outro chora por dor... E por falar nos meninos Deus aparece quando olho para o Isaque e me lembra que quando ele promete fazer algo, não importa o tempo que demore, ou o que se o mundo ao redor diz que não DEUS simplesmente prometeu e vira a existência, o Isaque é a promessa cumprida, a fidelidade comprovada, as orações respondidas, as lágrimas colhidas e entendidas; Deus aparece quando olho para o Davi, que tem sempre no rosto um sorriso, ainda que tão pequeno e inocente é olhar pra ele e ter de volta um sorriso, o mesmo sorriso que prova que se o inimigo se levanta contra um escolhido, ele se levanta para cair, sabe aquela famosa frase que quem tem promessa ainda que ande por vales e passe por provações tem o cuidado de Deus? Pois o Davi é exatamente a verdade disso... 
Deus aparece quando olho para o céu natural, onde vemos sol,lua e estrelas... Todo a tranquilidade que o azul do céu me passa me faz ter saudades do outro céu onde não estive ainda, me fala de colo de um pai que me ama e se importa comigo;
Deus aparece em um abraço, sabe quando você é abraçado por alguém, e deita a cabeça no peito dela e fica ali dentro, e parece que os problemas ficaram dois metros de distância? Você está seguro, e isso simplesmente te acalma... Me perco ao imaginar JOÃO  recostando a cabeça no peito de JESUS e se aquietando ali ao som da voz e do coração pulsante de um Deus que se fez carne pra dizer que tinha muito mais de nós do que podemos imaginar...Para alguém como eu que tenho dificuldades em me deixar ser cuidada, receber abraços de amigos e recostar minha cabeça no peito deles é ter Jesus pertinho de mim, me acalmando...
Nós vivemos a agitação, muitas vezes não temos tempo pra saciar o que a alma almeja, não temos tempo pra conversar, rever amigos, muitas vezes mal conseguimos nos assentar a mesa e fazer com nossa família uma refeição com diálogos de como foi o dia, mas os detalhes do mundo, aqueles que insistimos em não ver, nada mais é que Deus nos declarando amor, nos atraindo e nós insistimos em não ver, mas e ai QUE DEUS APARECE.... aparece-nos nas músicas que ouvimos, nos livros que lemos, nas borboletas e pássaros que vemos a traçar no céu azul sua majestosa perfeição, nos cuidados de uma mãe com seus filhos, nos sorrisos de crianças, na paz que tê-las nos braços nos dá, no jeito que elas nos olham ao falarmos com elas, nos abraços que recebemos  dos amigos e amores que aqui na terra fazemos...
Muitas vezes não vemos mas, o universo inteiro conspira, testemunha e a todo tempo nos recorda do sacrifico do sangue derramado, por um ato de amor inefável, um ato de amor envolvendo de um lado entrega total e do outro entregas parciais de corações orgulhosos e endurecidos. No que DEUS te aparece? Em que você vê as mãos Dele te recordando que Ele está perto mesmo quando tudo parece estar e dar errado, que Deus nos ama e não estamos sós, que Ele tem cuidado presente, olhos atentos que não se desviam, braços que nunca se fecham, coração que sempre nos ama, independentemente de qualquer coisa ELE NOS AMA E É INCAPAZ DE DEIXAR DE NOS AMAR....
E Deus aparece quando deixamos e decidimos ver que seu cuidado detalhista que o faz capaz de trocar reinos por um filho, de abrir mares para que possamos atravessar a pés secos... E Deus aparece, com seu amor simples e presente em cada centímetro do mundo....  E DEUS SIMPLESMENTE APARECE...

Comentários

Postar um comentário

Obrigada por ler, Deus te abençoe grandemente

Postagens mais visitadas deste blog

Aprendendo com o Isaque, que daqui só se leva o amor...

CARTA PARA MINHA AMIGA

o Isaque nasceu!