Adoração Independente da Música

Qualquer tentativa evangelística se torna frustrada se o coração está frio, se não há paixão por Cristo e pelas almas perdidas. Torna-se um fardo pesado a ser carregado e não é algo que faz parte de alegria espontânea gerada pelo avivamento do Espírito da Palavra. Quando o coração está cheio da presença de Deus, falar de Jesus para as pessoas torna-se algo prazeroso.
Este é o nosso desafio de cada dia: Falar algo que é real e concreto em nossas vidas.
O papel da música a serviço da adoração é contribuir com esse projeto maravilhoso para alcançarmos a plenitude da vida com Deus. A adoração a Deus vem antes da música, e a musica por se só não tem nada a ver com adoração, porque adoração é independente de música.
Adoração fala de culto a Deus. A adoração verdadeira (Romanos 12,1) que para experimentarmos não podemos depender da música, mas sim de um coração de atitude e decisão, identificação e compromisso, fé e obediência. A adoração é devida somente a Deus e com exclusividade. (Mt 4.10) – “Adore ao Senhor Teu Deus e somente a Ele preste Culto”.
É preciso saber identificar os detalhes da sua vida e entregá-los ao Trono, para que aos poucos o Pai possa dominar toda sua vida. Seja fiel nos detalhes que quando menos perceber estará totalmente apaixonado pelo Rei de nossas vidas!


Marcus Rabelo

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Aprendendo com o Isaque, que daqui só se leva o amor...

CARTA PARA MINHA AMIGA

o Isaque nasceu!